Palmares: Governo e Sociedade Debatem Resíduos Sólidos em Audiência Pública.

Na Manhã desta quarta-feira(13), o Município dos Palmares, através da Secretaria de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente, em parceria com o Ministério Público de Pernambuco, realizaram Audiência Pública, no Centro de Treinamento João XXIII, em Palmares-PE, para debater com a sociedade civil organizada estratégias para a solução das questões de resíduo sólidos.

O Prefeito dos Palmares Altair Bezerra Marcou presença e em sua fala assumiu o compromisso de avançar na buscar de soluções para resolver o problema, uma vez que existe a obrigatoriedade legal, desde agosto de 2014 como prazo final para que os municípios atendessem a determinação legal. Segundo a representante do Ministério Público a Promotora Carolina Moura, o prazo foi estendido, mas está se exaurindo e o município precisa correr contra o tempo para se adequar à legislação.

Por outro lado o Secretário de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente afirmou que: “está sendo muito importante a realização de uma audiência pública para tratar de um assunto igualmente importante como a coleta e destinação dos Resíduos Sólidos. O município vem se esforçando desenvolvendo ações para promover o encerramento do lixão de Palmares, e que todos somos responsáveis.” Pontuou agradecendo aos participantes e a sociedade civil organizada.

Prof. João da Silva

Após a apresentação de projetos de algumas empresas interessada em participar da concorrência pública para explorar a coleta, destinação e beneficiamento dos resíduos sólidos, apresentarem seus projetos, o Vice-Prefeito Agenaldo Lessa que estava Coordenando os trabalhos da mesa abriu as inscrições para a participação da sociedade civil no debate, onde forma levantadas diversas questões que foram respondidas pelos integrantes da mesa.

Essa discussão em Palmares vem desde o início dos anos 2000, nas reuniões do Promata e até hoje não foi solucionada a questão, o que deixa muitos desconfiados, mas esse assunto está na ordem do dia e precisa ser encarado com responsabilidade para que as futuras gerações vivam numa cidade ambientalmente correta. Foi criado um grupo de trabalho para dar continuidade as discussões na tentativa de encontrar as melhores saídas para Palmares adquirir o selo verde do MPPE.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *