12/05/2021

Blog do Sobrinho

Agenda Política e Social

Palmares tem aumento de 15,83% nas receitas advindas de transferências constitucionais da União e Estado.

Mesmo com o País e os Estados atravessando o auge da pandemia nos últimos meses, os repasses constitucionais da união e estado para os municípios não sofreram redução se comparado com o mesmo período de 2020, a exemplo o munícipio dos Palmares que recebeu no primeiro trimestre de 2021 a quantia R$ 2.245.903,26 (dois milhões duzentos e quarenta e cinco mil novecentos e três reais e vinte e seis centavos), a mais se comparado com o mesmo período de 2020. No total os cofres do Município através apenas da Secretaria de Finanças, sem levar em consideração os Fundos Municipais de Saúde e Educação, que também tiveram aumento em suas  receitas advindas da união e estado, receberam a quantia total até o momento de R$ 16.430.932,20 (dezesseis milhões quatrocentos e trinta mil novecentos e trinta e dois reais e vinte centavos), em comparação com 2020 que neste mesmo período a Receita que o Município recebeu foi de 14.185.028,94 (catorze milhões cento e oitenta e cinco mil vinte e oito reais e noventa e quatro centavos).

Diante deste aumento da Receita o município dos Palmares tem tudo para manter os ritmos nas obras e no desenvolvimento de políticas púbicas, proporcionando assim para os Palmarenses dias melhores, pois salários em atrasos dos servidores públicos ativos e aposentados, bem como atraso no pagamento dos fornecedores estão se tornando coisa do passado.

Com o crescente aumento na receita do município dos Palmares nos últimos meses o  Prefeito José Bartolomeu de Almeida Melo (Junior de Beto – PP), tem a sua frente um cenário bastante animador na missão de recolocar Palmares novamente na rota do desenvolvimento e crescimento econômico,  pois o mesmo  recebe um município com um passivo bem menor que seus antecessores os ex-prefeitos Joao Bezerra e Altair Junior, tendo a oportunidade de governar com um pouco mais de tranquilidade e estabilidade econômica.

Diante de todos os desafios que o município dos Palmares ainda tem pela frente, desafios estes que irão exigir muito da equipe técnica da atual gestão que terá que: amortizar o déficit da Previdência, negociar a dívida do Serviço autônomo de agua e esgoto  – SAAE com a CELPE, recuperar economicamente a autarquia de Ensino do Município a AEMASUL que atravessa um momento bastante turbulento, realizar um novo concurso público para rejuvenescer o quadro dos servidores efetivos dando um novo gás para o FUNPREV, investir 15% de sua receita própria na saúde e 25% na educação índices estes que tem sido um desafio para os gestores do município dos palmares atingir, nos últimos anos e por fim manter a cidade no ritmo do crescimento e desenvolvimento com obras que tragam conforto e bem estar para os cidadãos Palmarenses.

Fonte: Banco do Brasil e Secretaria da Fazenda de Pernambuco.

Instagram