Decisão Política de LULA se Concretiza com Assinatura de Ordem de Serviço para Construção do IFPE Mata Sul.

Na manhã desta quinta-feira (05), o Ministro da Educação, Rossielli Soares da Silva, assinou Ordem de Serviço para a construção do Campus do IFPE Mata Sul, em solenidade realizada no Município dos Palmares, o Campus será construído em um terreno de 5,0 hectares doado pelo município dos Palmares.

Segundo o Ministro da Educação será um investimento de R$ 12,6 milhões, e, após sua conclusão, o espaço terá capacidade para atender 1.200 estudantes presenciais, nos três turnos. O projeto arquitetônico conta com mais de 7 mil m² de área construída, contendo 20 salas de aula, biblioteca, auditório e laboratórios, entre outros espaços voltados para atividades administrativas. O prazo previsto para conclusão da obra é de 14 meses. “A educação é transformadora”, destacou o ministro. “A zona da mata sul necessita de muito investimento em educação, pois é uma área que precisa ser desenvolvida, e esse desenvolvimento só vai chegar via educação. Nós hoje estamos liberando mais de R$ 12 milhões para esse investimento importante aqui em Palmares. O IFPE é, certamente, uma instituição das mais relevantes do Brasil, porque vai olhar o que precisa ser desenvolvido no local, na cidade”. Pontuou.

É importante resgatar a História:

Após a cheia de 2010, os governos do estado e Federal fizeram uma força tarefa para a reconstrução das cidades afetadas. Dias depois tivemos a visita do então presidente Lula e vários Ministros entre eles o Ministro da Educação Fernando Haddad, todos imbuídos com a reconstrução das escolas municipais e estaduais, que foram atingidas pela enchente. Neste momento o então vice-prefeito, João Bezerra, colocou a necessidade de implantação de escolas técnicas para preparar mão de obra qualificada para poder atrair indústrias para região, uma vez que ficava próximo de Suape (Polo de Desenvolvimento do Estado), de pronto o então presidente Lula juntamente com o Ministro Fernando Haddad definiram que haveria uma expansão nova do IFPE em Pernambuco com a construção de           7 (sete) novos campos para Pernambuco e definiu que um seria em Palmares para atender a região atingida pela enchente como forma de desenvolvimento para região do estado.

O governo do estado juntamente com o governo municipal da época (Gestão do Prefeito Beto da Usina) começara a ver áreas para desapropriar pelo estado para reconstrução de vários órgãos públicos e novas casas longe das áreas que foram alagadas. Desapropriando áreas para o quilombo I, II e III, hospital regional, UPA, Fórum, Justiça Federal, Polícia Cientifica, etc. E assim foi visto que haveria um terreno por trás do Novo Hospital Regional que já pertencia ao Governo Federal, precisando apenas de um acesso  0,50 hectares a serem desapropriado pelo governo municipal. Porém o governo Municipal da época precisaria fazer a terraplanagem do terreno e desapropriar a área que daria acesso, passaram dois anos e nada foi feito 2011/2012, no final de 2012, após a eleição municipal, o então Prefeito Eleito João Bezerra recebeu ligação do IFPE, sendo informado que, devido a não resolutividade das pendências o IFPE não seria construído mais em Palmares, seria transferido para outra cidade. O Prefeito João, foi ao IFPE e com apoio e confiança da Professora Claudia Santos Silva (Magnífica Reitora do IFPE/PE), foi dado um prazo de 30 dias para apresentar a planta da terraplanagem, esperaria até final de fevereiro para doação da área do acesso ao terreno do IFPE, sendo todos os prazos foram atendidos, foi garantido ali o IFPE para Palmares, faltava, contudo, o recurso para executar a terraplanagem na ordem de 3.098.000,00 (três milhões e noventa e oito mil reais).

Aqui entra a figura importante do governador de Pernambuco Eduardo campos que de pronto enxergou a grandeza da ação, e determinou um convênio entre o estado de Pernambuco e o Município dos Palmares para garantir o recurso da terraplanagem, (convênio SEPLAG nº 023/2013). Faltava apenas o projeto e a ordem de serviço para construção do Campus IFPE Palmares, porém já em 2014, foram disponibilizadas algumas salas da FAMASUL para dar inicio aos cursos de IFPE.

O ato de hoje coroou todo o trabalho realizado pelas gestões anteriores e a gestão atual do Prefeito Altair Júnior, E para nossa alegria, foi realizada a solenidade da ordem de serviço e o sonho se torna realidade “CAMPUS IFPE – PALMARES”.

Resumindo, foi um trabalho feito por muitas mãos, mas tudo começou com a decisão Política do Ex-Presidente LULA em destinar para Palmares o Campus do IFPE.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *